Visitar Lisboa em 3 dias

1

Visitar Lisboa em 3 dias é um grande desafio pois a cidade, além de linda, oferece uma vasta opção de locais turísticos, no entanto, uma das coisas mais interessantes é “viver” a cidade, contemplá-la!

A cidade foi praticamente toda reconstruída depois do terremoto em 1755, principalmente a parte da baixa (centro histórico), e hoje é a principal porta de entrada para muitos visitantes da Europa.

A capital de Portugal tem um misto de correria de cidade grande mas, por outro lado, tem ruas incríveis arborizadas convidativas a uma bela caminhada tranquila após o almoço de trabalho.

O que visitar em Lisboa em cada um dos 3 dias

Neste tópico estão listados alguns pontos imperdíveis: são pequenos roteiros, onde você pode decidir fazer um durante a manhã e outro à tarde, por exemplo.

O mais importante é decidir no dia anterior à visita para não perder tempo. Sem correria, contudo otimizando melhor os dias de visita na cidade.

Vamos lá, embarcar comigo nesta aventura?

Região do Mosteiro dos Jerónimos

MOSTEIRO DOS JERÔNIMOS

1º dia: Fazer a visita completa no Mosteiro dos Jerônimos (lindíssimo, onde estão os memoriais fúnebres de Camões e Vasco da Gama).

Padrão dos Descobrimentos

De lá, a pé mesmo, siga em direção ao famoso Pastéis de Belém, vale a pena um lanchinho por lá e ainda levar para casa alguns pastéis. Bem próximo também é possível conhecer o Centro Cultural de Belém e depois atravessar a avenida em direção à beira do rio Tejo, onde estão os monumentos Padrão dos descobrimentos e a Torre de Belém.

Certamente será um dia bem aproveitado!

visitarLisboaem3dias_torredeBelem
Torre de Belém às margens do rio Tejo
Padrão dos Descobrimentos

Parque das Nações

2º dia:  Aproveite esse dia para visitar a parte mais moderna da cidade. O Parque das Nações (beira do rio Tejo) onde tem o fantástico Oceanário (gasta-se pelo menos uma manhã na visita).

O Oceanário de Lisboa tem o grande aquário central com 4 habitats marinhos. Além disso, tem dois pisos, um terrestre e outro aquático permeando águas frias, tropicais, temperadas remetendo aos diferentes oceanos do planeta.

Ainda na área do Parque das Nações tem a moderna estação de trem Gare do Oriente, principal estação do país e foi construída para servir à expo 98, e posteriormente, o Parque das nações.

Depois disso, tente terminar o dia passeando pelas Docas na beira do rio onde você pode desfrutar dos inúmeros bares e restaurantes.

Se ainda der tempo, ao longo do dia, pode andar no teleférico do Parque das Nações ou fazer compras no shopping Vasco da Gama também na mesma região.

Baixa de Lisboa

3º dia: Percorrer a baixa, região do Chiado que é o “centrão” da cidade, o bairro histórico, onde pulsa a cidade.

A baixa do Chiado é cheia de praças, grandes avenidas, hotéis, lojas. É onde o turista pode sentir de perto a cidade e o dia a dia.

Ainda nessas região, vale a caminhada na rua Augusta seguindo até o Arco Triunfal da Augusta que faz parte da Praça do Comércio, mais conhecida por Terreiro do Paço, local que ocupou no passado o palácio dos reis de Portugal e hoje agrega alguns órgãos governamentais.

visitarlisboa3dias_arcoAugusta
Arco da rua Augusta / terreiro do Paço ou Praça do comércio

Ainda tem como ponto turístico o famoso Elevador de Santa Justa, onde no alto tem uma plataforma de observação.

Mais dicas para conhecer Lisboa

Aqui sugiro mais alguns lugares que você pode trocar pelas sugestões acima ou adicionar, dependendo do tempo que você tenha disponível:

  • Andar no Elétrico 28 que sobe pelo bairro típico de Alfama até o Castelo de São Jorge.
  • Esse Elétrico é uma espécie de bonde antigo, ele é famoso porque passa por vários pontos turísticos da cidade, é uma viagem maravilhosa. Pode aproveitar o passeio e descer para almoçar ou jantar no bairro de Alfama e ainda assistir uma apresentação de fado em um dos restaurantes que a região oferece.
  • Conhecer o café A Brasileira, onde tem na frente a famosa escultura de Fernando Pessoa, e depois passear pelo Bairro Alto. O bairro alto é muito legal à noite, tem várias opções de jantar, como o “Cantinho do Bem Estar” e o “Sinal Vermelho”, restaurantes típicos com comida muito boa. E se quiser assistir fado também no Bairro Alto, tem o restaurante “Já Disse”, na rua Diário de Notícias, 42.
  • Caso tenha mais dias para passear, vale as visitas aos Palácios: Palácio Nacional da Ajuda e Palácio Real de Queluz. Esse último é mais afastado de Lisboa, é preciso separar uma manhã ou uma tarde disponível.
  • Caso venha com crianças, uma boa alternativa é conhecer o Pavilhão do Conhecimento, digno de um dia inteiro de passeio!
  • Caminhar pela Avenida da Liberdade que é lindíssima, sentar e tomar um café, pode ser um momento contemplativo.
  • No centro de Lisboa tem a Estação de trem do Rossio que é linda também!
  • Agendar uma visita ao Panteão também certamente será um passeio agradável, fica perto da estação de trem Santa Apolônia.
  • Conhecer o Time Out Market onde se senta para deliciar boa comida e passar um maravilhoso final de tarde.

Lisboa, um encanto de cidade

Em suma, o difícil é escolher o que visitar em Lisboa em poucos dias!

Lisboa é rica em cultura, é deliciosa para andar sem pensar em nada. Acima de tudo, é preciso apreciá-la. É reviver os poetas e escritores portugueses em muitas esquinas.  

É provar vinho bom e comida boa ao som do Fado! É sentar numa tarde de primavera ou de inverno e sorrir com tanta beleza.

Caso queira saber mais sobre o norte do país, pode ler também sobre o Porto ou Vila Nova de Gaia! Cidades imperdíveis como Lisboa.

Todas as sugestões de restaurantes e locais a visitar, vale a confirmação com antecedência devido às normas do Covid-19.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.