Comportamento dos pets durante viagens

0

No post de hoje abordamos o tema do comportamento dos pets durante viagens porque depois de tanto tempo em casa devido à pandemia, estamos todos colocando o pé na estrada, mas não podemos deixar nossos pets para trás!

E você que tem um animal de estimação, certamente já vivenciou essa situação: férias, viagem, mudança e o que fazer para adaptar seu pet neste processo todo?

Com a ajuda da parceira Pet Pass, entenda como fica o comportamento do animal neste processo todo.

Todos nós sabemos que cada animal de estimação tem suas características particulares de comportamento. Quando vamos viajar e levar nossos pets junto, precisamos levar em consideração sua personalidade, principalmente quando falamos de viagens de avião.

Aproveite para checar o nosso post sobre qual companhia aérea escolher para uma viagem com seu pet mais tranquila.

Comportamentos gerais e comuns dos pets

Tanto o cão quanto o gato têm comportamentos gerais comuns, de acordo com cada espécie. Alguns pets costumam apresentar ansiedade quando se separam do seu tutor, outros agressividade quando pessoas desconhecidas se aproximam, isto sem falar nos latidos, agitação, medo, etc., que são comportamentos comuns em situação de estresse.

Quando falamos sobre uma viagem que envolve um animal de estimação, precisamos lembrar que estamos expondo o pet a alguns fatores que podem causar ainda mais estresse:

  • Circulação de pessoas desconhecidas
  • Ambiente desconhecido
  • Cheiros diversos e novos
  • Barulho
  • Iluminação
  • Temperatura diferente do habitual
Como levar seu pet para Portugal

Planejamento para viajar com um pet

Portanto, planejar uma viagem é uma condição fundamental para o animal e para nortear o comportamento dos pets durante as viagens.

Planejamento com antecedência fará com que o seu animal fique mais adaptado à nova situação que vivenciará e menos estresse irá sentir no dia da viagem.

Para os animais de estimação que seguem viagem na cabine, ao lado do seu tutor, é importante ressaltar que as empresas aéreas cobram dos tutores que o animal apresente comportamentos adequados de convívio com outras pessoas. Isto inclui:

  • Não latir
  • Não miar
  • Não apresentar odores desagradáveis
  • Não apresentar agressividade em nenhum nível
  • Serem obedientes a seu tutor.

Para os animais que viajam no porão, o bom comportamento também é indicado pela companhia aérea.

Ressaltando que todas essas ressalvas são para a segurança e bem-estar do próprio animal durante a viagem, e também para a segurança dos profissionais envolvidos no seu transporte e para outros passageiros.

____________________________________________________________________________________________________

LEIA TAMBÉM: Emprego para brasileiros em Portugal

____________________________________________________________________________________________________

Conselhos para o comportamento dos pets durante as viagens

Aconselhamos SEMPRE que o seu pet passe por um treinamento comportamental, com um profissional especializado. Esse processo irá ajudar na adaptação do pet a nova situação, tornando a viagem mais prazerosa, calma e digna.  

Quer saber mais sobre a viagem do seu melhor amigo? Converse com a PET PASS. Eles estão prontos para te ajudar nessa missão em qualquer lugar do Brasil! E não esqueça de pedir aquele desconto que só eu, Edilene Gualberto, consigo para você.

Pet Pass

hh

Pet Pass, ✈️🌎 Agência de viagem para seu pet. A garantia do seu melhor amigo viajando com você. Consultoria. Assessoria. Documentação para viagem. Atendimento médico veterinário. Seu melhor amigo viajando com você! +55 (11) 3443-3446 petpas@outlook.com @pet_pass

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.